O Beijo Imaginário

O Beijo Imaginário

“Certo dia, um pai castigou a sua filha de 3 anos por desperdiçar um rolo dourado de papel de embrulho. No entanto, na manhã seguinte a menina foi até ao quarto dos pais e entregou o presente de aniversário ao pai.

– Bom dia papá! Isto é para ti!

O pai ao ver o presente sentiu-se envergonhado pela sua reação do dia anterior, mas poucos minutos depois voltou a explodir:

– A caixa está vazia! Não sabes que quando se dá um presente a alguém, se coloca alguma coisa dentro da caixa?

A pequena menina olhou para o pai com as lágrimas nos olhos e disse:

– Mas papá não está vazia! Eu soprei beijinhos carinhosos para dentro da caixa!

O pai quase morreu de vergonha pela sua atitude arrogante e infantil. Abraçou a menina e suplicou que ela o perdoasse.

Dizem que o homem guardou a caixa para sempre ao lado da sua cama e sempre que se sentia triste, desmotivado, chateado ou deprimido, ele abria a caixa e recebia um beijo imaginária da sua querida filha.”

Autor Desconhecido

Ao longo da vida também vais recebendo “caixinhas” daqueles que te amam e retribuir essas “caixinhas” é muito simples… basta um elogio, um sorriso, um beijo, uma ajuda, um telefonema, uma surpresa ou uma mensagem para transformar o dia dessas pessoas.

Há quanto tempo não surpreendes quem te ama?

Um abraço e pensa nisso 😉

Deixa o teu comentário!

comentários